Deputado Federal Marcos Pereira destina R$ 1,5 milhão para Santa Casa de Ourinhos a pedido dos Vereadores Alexandre Zóio e Cícero Investigador

O deputado federal Marcos Pereira (PRB/Republicanos) destinou recursos na ordem de R$ 1,5 milhão a Santa Casa de Ourinhos para serem investidos na saúde. A indicação foi anunciada na manhã desta quinta-feira, 11, e servirá para o custeio do atendimento básico à população.

Através do deputado Wellington Moura (PRB), o administrador da Santa Casa de Ourinhos, Fernando Abreu, e os vereadores Alexandre Zóio e Cícero Investigador (PRB), estiveram no dia 30 de maio o primeiro contato com o deputado Marcos Pereira em uma reunião em Brasília, que contou também com a presença do presidente da Fehosp Edson Rogati.

Na oportunidade, os vereadores Alexandre Zóio e Cícero Investigador e Fernando Abreu, com o apoio do deputado estadual Wellington Moura, entregaram ao deputado federal Marcos Pereira o ofício solicitando o recurso para o hospital.

Em menos de dois meses, a verba foi autorizada para o hospital. A informação da liberação foi transmitida pelo vereador Alexandre Zóio na manhã desta quinta-feira, 11, ao presidente da Associação da Santa Casa de Ourinhos, o empresário Celso Zanuto, e ao administrador Fernando Abreu.

“Agradecemos o deputado Marcos Pereira por esta indicação e o apoio que tivemos do deputado Wellington Moura e dos vereadores Alexandre Zóio e Cícero Investigador. É a primeira emenda que ele destina para a Santa Casa de Ourinhos. A partir de agora o hospital ganha mais um importante parceiro em Brasília e temos certeza que essa parceria será benéfica para todos, pois por meio desses recursos podemos investir cada vez mais na melhoria do atendimento aos pacientes”, disse o administrador Fernando Abreu.

O vereador Alexandre Zóio também fez questão de reconhecer o trabalho dos deputados Marcos Pereira e Welington Moura para Ourinhos. “Quero agradecer os deputados Marcos Pereira e Wellington Moura por este recurso, o qual é muito importante para a nossa Santa Casa de Ourinhos. É mais uma conquista que trabalhamos juntos para ser investida na área da saúde do nosso município. Vamos continuar atuando em parceria com os deputados para que mais recursos sejam indicados para o hospital”.

Marcos Pereira que está no seu primeiro mandato como deputado federal e ocupa a vice-presidência da Mesa Diretora da Câmara dos Deputados, falou da importância desse recurso para a Santa Casa de Ourinhos. “O atendimento de qualidade na saúde é uma questão prioritária para mim. Sabemos que os municípios têm sofrido com a falta de estrutura, por isso intercedi junto ao governo federal pela liberação destes recursos”, comentou Marcos Pereira, que é vice-presidente da Câmara.

Os deputados Wellington Moura e Marcos Pereira vêm trabalhando intensamente para que mais recursos possam ser destinados para a saúde de Ourinhos e toda região.

Grupo Multiprofissional de Alta da Santa Casa de Ourinhos faz apresentação em hospital de Marília

92371c97-a214-47b4-8cfc-0e36c4c2e279

O Grupo Multiprofissional de Alta da Santa Casa de Ourinhos esteve em Marília na última semana onde na oportunidade realizou uma apresentação a colaboradores da área da saúde da região de Marília sobre o trabalho desenvolvido em torno da Alta Responsável, um indicador que integra o programa Santas Casas Sustentáveis do governo do Estado de São Paulo.

Na ocasião, o grupo apresentou o modelo de Alta Responsável desenvolvido pela Santa Casa de Ourinhos, o qual visa proporcionar ao paciente internado e que teve alta médica, um retorno para casa com todas as suas necessidades acolhidas posteriormente pela Rede Básica de Saúde.

“Trabalhamos com a equipe a formação do cuidador e mostramos a ele quais serão as necessidades e as vias que eles irão percorrer na rede de atenção. Em conjunto temos um diálogo aberto em reuniões com a rede básica de ela poder atender a essas necessidades também”, explicou a Gerente de Enfermagem da Santa Casa de Ourinhos, Daniela Souza.

O Grupo Multiprofissional de Alta da Santa Casa de Ourinhos conta com enfermeiros, fonoaudióloga, farmacêutica, fisioterapeuta, Assistente Social, Psicóloga, Nutricionista, além do corpo médico que auxilia nas demandas e necessidades dos pacientes.

UTI Infantil já atende pacientes no novo Centro Materno da Santa Casa

O novo Centro Materno da Santa Casa de Ourinhos está com sua estrutura toda completa. No último mês de maio, a UTI Infantil foi transferida e já iniciou atendimento no novo espaço.

A nova UTI Infantil possui uma estrutura mais ampla e moderna, o que garante um melhor atendimento aos bebês. Além disso, o local conta com uma decoração que torna o espaço mais leve e acolhedor. Uma outra novidade que está sendo implantada é a visita ampliada a qual os pais podem ficar mais tempo aos lado dos nenês.

O novo Centro Materno Infantil possui 1.700m². O projeto arquitetônico é assinado pela arquiteta Rosiani Vaz e a decoração dos ambientes ficou sob os cuidados da voluntária Sirlei Zanuto.

A estrutura do novo Centro Materno Infantil foi elaborada segundo a RDC36 da ANVISA e Portaria da Rede Cegonha, conta com 28 leitos, – sendo 14 reservados para o Sistema Único de Saúde (SUS) e outros 14 para Particular e Convênio. A ala contempla um Centro Obstétrico, Unidades Neonatais (convencional e intensiva), Unidade de Internação Maternidade e a Unidade de Internação Pediátrica.

O novo Centro Materno Infantil proporciona assistência ao parto de forma segura e humanizada, com base em evidências científicas, trazendo melhores resultados, visando também à redução da taxa de mortalidade infantil e materna, as quais estão abaixo da média estadual/nacional.

Instituto de Consultoria e Gestão do Hospital Albert Einstein cumpre mais uma etapa do Proadi-SUS na Santa Casa

O Instituto de Consultoria e Gestão do Hospital Albert Einstein cumpriu na última terça-feira, 24 de junho, mais uma etapa do plano de ação do Programa de Desenvolvimento Institucional do Sistema Único de Saúde (PROADI-SUS) junto a Santa Casa de Ourinhos.

A consultora do Instituto, Junia Cordeiro, esteve mais uma vez na Santa Casa de Ourinhos para fazer o acompanhamento in loco do projeto PROADI-SUS juntamente com os gerentes de diversos setores do hospital.

O acompanhamento faz parte da terceira etapa do Programa de Desenvolvimento Institucional do Sistema Único de Saúde (PROADI-SUS), patrocinado pelo Ministério da Saúde (MS) em parceria com o Hospital Albert Einstein de São Paulo, no qual a Santa Casa de Ourinhos foi incluida entre 114 hospitais brasileiros para integrar o projeto “Melhoria do Sistema de Gestão dos Hospitais SUS”. A próxima etapa presencial está agendada para o mês de julho/19.

A primeira visita aconteceu no dia 11 de fevereiro quando o Instituto de Consultoria e Gestão do Hospital Albert Einstein realizou a visita inicial diagnóstica. Na ocasião, a consultora Junia Cordeiro se reuniu com os colaboradores do hospital para apresentar o PROADI-SUS e também detalhou o trabalho que será realizado ao longo dos próximos seis meses, focado na gestão e na qualidade.

Já no mês de maio, durante a segunda visita, foi apresentado o plano de ação que será desenvolvido pela Santa Casa de Ourinhos, o qual contempla as necessidades de melhorias que foram identificadas na primeira visita e que serão implementadas no prazo de seis meses.

PROADI-SUS

Desenvolvido para colaborar com o fortalecimento do Sistema Único de Saúde (SUS), o Programa de Apoio ao Desenvolvimento Institucional do Sistema Único de Saúde (PROADI-SUS) é financiado com recursos de isenção fiscal, concedida aos hospitais filantrópicos, com excelência reconhecida pelo Ministério da Saúde. O Programa visa promover a melhoria das condições de saúde da população.

O PROADI-SUS permite a transferência, desenvolvimento e incorporação de novos conhecimentos e práticas em áreas estratégicas para o SUS, por meio da execução de projetos de apoio e na prestação de serviços de saúde ambulatoriais e hospitalares, enquadrados em áreas específicas, estabelecidas pela Lei nº 12.101, de 27 de novembro de 2009.

 

Santa Casa de Ourinhos realiza primeira Prostatectomia Radical Videolaparoscópica

d54b9eb9-fde6-430d-9f32-0fa7ed7f3658

A Santa Casa de Ourinhos realizou no último dia 14 de junho a primeira Prostatectomia Radical Videolaparoscópica. Trata-se de uma cirurgia de retirada da próstata e vesícula seminal através da laparoscopia. O procedimento foi coordenado pelos médicos urologistas, Dr. Luis Felipe Vellacich Yubi e Dr. Ricieri Mariotto.

A primeira Prostatectomia Radical Videolaparoscópica foi realizada em um paciente que teve diagnosticado o câncer de próstata. O procedimento foi um sucesso e a pessoa tem apresentado uma boa recuperação.

A cirurgia é realizada com distensão do abdome com gás permitindo a movimentação de pinças no interior da cavidade abdominal. Essas pinças são introduzidas através de pequenas incisões (cortes) e são manipuladas diretamente pelo cirurgião.

O acesso permite a introdução da câmera de vídeo (endoscópio) e visibilizar estruturas dificilmente vistas na cirurgia aberta e com melhor definição de detalhes.

Além disso, a realização do procedimento por meio de pequenas incisões (0,5 a 1 cm) resulta em algumas vantagens em relação a cirurgia aberta: menor dor no pós operatório, menor incidência de infecção, menor perda de sangue, menor incidência de Hérnia incisional, recuperação mais rápida, regresso mais rápido a atividade profissional e cicatriz cirúrgica menos visível (vantagem estética).

Comitê Regional de Aleitamento Materno realiza reunião na Santa Casa de Ourinhos

A Santa Casa de Ourinhos recebeu na manhã de quinta-feira, 13, uma reunião do Comitê Regional de Aleitamento Materno, sobre incentivo ao aleitamento materno.

Participaram da reunião Maria Cristina Roble, do Departamento Regional de Saúde da região de Marília a qual também integra o comitê, colaboradores da Santa Casa de Ourinhos e profissionais de saúde de 23 municípios da região. Após a reunião, as participantes conheceram a nova estrutura do Centro Materno Infantil do hospital.

As reuniões do comitê acontecem a cada dois meses. De acordo com Maria Cristina Roble, os encontros têm sido bastante positivos. “Temos conseguido esclarecer bastante sobre o aleitamento materno, principalmente junto as novas mães sobre a necessidade da amamentação e do trabalho dos Bancos de Leites que encaminham o leite para as mães e para as crianças das UTIs Neonatais. Isso tem sido incentivado e temos aberto postos de coletas e feito orientações de como se faz a retirada do leite, a sua manutenção e o transporte correto”.

O incentivo ao aleitamento materno continua sendo um grande desafio em saúde pública, considerando o alto índice de desmame precoce e o grande número de óbitos infantis por causas evitáveis.

As equipes do Banco de Leite e do Comitê de Aleitamento Materno da Santa Casa de Ourinhos realizam ações de incentivo ao aleitamento materno durante a internação como: orientações no pré e pós-parto e na captação de doadoras de leite materno para o próprio Banco de Leite.

Para mais informações sobre como doar o leite materno, basta entrar em contato com Banco de Leite pelo telefone (14) 33242203.

Unidade de Oncologia da Santa Casa de Ourinhos inaugura sala de acolhimento

A Unidade de Oncologia da Santa Casa de Ourinhos inaugurou na manhã de sexta-feira, 07 de junho, a sala de acolhimento de pacientes. O novo espaço do hospital foi idealizado em parceria com o Grupo Amigas do Peito e contou com o apoio da Associação Comercial e Empresarial de Ourinhos (ACE) e empresários locais.

A solenidade de inauguração contou com a presença do presidente da Associação da Santa Casa, Celso Zanuto, do diretor da unidade o médico radio-oncologista, Dr. Norberto Paes, da gerente da unidade, Terezinha Mantovani, do deputado federal capitão Augusto, do presidente da ACE, Diógenes Correa Leite, do tesoureiro da entidade, Robson Martuchi, das voluntárias do Grupo Amigas do Peito e com os colaboradores do hospital.

O novo espaço foi criado para acolher pacientes da unidade que recebem a notícia do diagnóstico de câncer. Na sala, receberão todo o apoio e o carinho da equipe de colaboradores da Unidade de Oncologia e também das voluntárias do Grupo Amigas do Peito.

A sala de acolhimento foi estruturada com equipamentos e móveis doados pela ACE e pelas empresas parceiras Colchões Castor, Melau Decor, Alternativa Moda e Presentes, Chic Decorações, Tapeçaria Confiança e Marmoraria Granimar.

O presidente da Associação da Santa Casa de Ourinhos, Celso Zanuto, enalteceu o trabalho que é realizado pelos colaboradores da unidade e também pelas voluntárias. “Aqui acontece muito milagre e é muito bom ter amigos do peito. Ser colaborador, patrocinador é fácil, mas ser voluntario é ser vidraça. Mas onde tem Deus, trabalho sério e gente compromissada não tem o mal. Quero agradecer vocês em nome de toda diretoria por este trabalho”.

O médico radio-oncologista, Dr. Norberto Paes, destacou a importância do novo espaço. “Estou feliz por este momento e quero agradecer essas mulheres que engradecem o nosso trabalho o qual é fundamental para a humanização e um melhor acolhimento dos pacientes em um momento tão difícil de suas vidas”.

Capitão Augusto lembrou da sua atuação como deputado em prol da Unidade de Oncologia com o credenciamento junto ao SUS, a liberação do equipamento de radioterapia e os recursos que já disponibilizou ao longo do seu mandato e se comprometeu em manter esse apoio. “Nos congressos de oncologia falam que em 2050, de cada três doenças crônicas, duas serão relacionadas à oncologia. Ainda não estamos preparados para lidar com essa doença, por isso tenho interesse de apoiar toda essa rede de oncologia no estado de São Paulo. Em Barretos vi grupos de voluntários e temos agora um aqui em Ourinhos o Amigas do Peito consolidado, atuante que faz toda diferença. É sempre um prazer imenso estar aqui e apoiar essa causa”.

O presidente da ACE Diógenes Correa Leite agradeceu a oportunidade de entidade, juntamente com as empresas do comércio local, de poder contribuir com a criação da sala de acolhimento. “A função da ACE não é só de elevar o comércio para toda região, mas trabalhar em prol dessa causa e do hospital”.

A representante do Amigas do Peito, Wanderlea Gonçalves Pinto Andrade Ramos, mais conhecida como Lea, agradeceu a Unidade de Oncologia da Santa Casa pela oportunidade de oferecer um espaço para que as voluntárias possam realizar um trabalho para oferecer um melhor acolhimento aos pacientes e acompanhantes, a ACE e as empresas parceiras por colaborarem com as doações para que pudéssemos transformar esse local em um espaço mais humano e aconchegante”.